RÁDIO REGIONAL
ECONOMIA & FINANÇAS

MINISTRA DO TRABALHO ANUNCIA CRIAÇÃO DO PROVEDOR DO UTENTE DA SEGURANÇA SOCIAL

nbsp| RÁDIO REGIONAL

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social anunciou hoje no parlamento a criação do provedor do utente da Segurança Social e revelou que a economista Mariana Trigo Pereira irá coordenar a comissão para diversificação do financiamento da instituição.

Ana Mendes Godinho aproveitou a interpelação do grupo parlamentar do PCP, sobre o agravamento das condições de vida, para lembrar os apoios sociais que o Governo socialista tem implementado nos últimos anos e disse aos deputados que, ainda este ano, irá ser criado um provedor para dar voz aos utentes da Segurança Social.

“Investimos no Estado Social […], numa mais justa distribuição de riqueza […] e num Estado mais rápido”, disse a ministra antes deste anúncio.

A governante lembrou ainda a aposta do Governo em garantir a sustentabilidade futura da Segurança Social e respetivas pensões e salientou que essa sustentabilidade está garantida por mais 26 anos.

A aposta no futuro da Segurança Social levou o Governo a anunciar, em abril, a criação de uma comissão para a diversificação das fontes de financiamento, de forma a garantir a sua sustentabilidade.

Ana Mendes Godinho utilizou a sua intervenção parlamentar para anunciar que essa comissão irá ser coordenada pela economista Mariana Trigo Pereira, que tem colaborado com a Organização Internacional do Trabalho (OIT)-

Mariana Trigo Pereira publicou com Pedro Adão e Silva o livro `Cuidar do Futuro – Os mitos do Estado Social Português`.

VEJA AINDA:

TURISMO: HÁ 50 MIL VAGAS PARA TRABALHADORES DOS PALOP EM PORTUGAL

Lusa

DESEMPREGO NA ZONA EURO DESCE PARA 6,6% EM JUNHO FACE AO MESMO MÊS DE 2021

Lusa

INCÊNDIOS E SECA AGRAVAM INFLAÇÃO E DIFICULTAM AS CONTAS DO GOVERNO

Lusa

MATOSINHOS: EX-TRABALHADORES DA REFINARIA REAGEM AOS LUCROS DA GALP

Lusa

PORTAGENS PODERÃO TER AUMENTO ‘SIGNIFICATIVO’ SE GOVERNO NÃO INTERVIER

Lusa

SECA: GOVERNO CORTA CONSUMO NO TURISMO DO ALGARVE E OBRAS EM TRÁS-OS-MONTES

Lusa