Connect with us

LOUCURAS

EMPREGO: SALÁRIO DE 1000 EUROS PARA … DORMIR

Um salário de 1000 euros ao fim do mês para dormir oito horas por dia. Eis a oferta de emprego da marca portuguesa Desonno, especializada em colchões e almofadas, que é, acima de tudo, uma estratégia de marketing para “aumentar as vendas”.

Datas:

em

Um salário de 1000 euros ao fim do mês para dormir oito horas por dia. Eis a oferta de emprego da marca portuguesa Desonno, especializada em colchões e almofadas, que é, acima de tudo, uma estratégia de marketing para “aumentar as vendas”.

A campanha da Desonno, para recrutar uma “pessoa para dormir” num “emprego de sono”, como se diz no site da marca, está a ser divulgada em vários sites de oferta de emprego, nomeadamente no Net-empregos.com.

O objetivo da marca é contratar “uma pessoa para dormir 8 horas por dia, de segunda a sexta-feira, durante o mês de Setembro”. “Proporcionamos excelentes condições de trabalho, a começar desde logo pelo colchão e almofada, escolhidos à medida e conforto do candidato seleccionado”, diz-se no anúncio.

O salário é de 1000 euros, “após um mês de noites bem dormidas” e o único requisito é “estar disponível para passar cada noite de sono nas instalações da Desonno, localizada em Paços de Ferreira“.

As candidaturas podem ser enviadas até 10 de Agosto, e não é preciso qualquer currículo. Basta apresentar as motivações para a candidatura e explicar “porque é a pessoa indicada para o cargo”. E podem enriquecer a candidatura com vídeos ou fotografias.

“A vaga irá para o candidato com a proposta mais original“, refere ao Diário de Notícias a directora de marketing da Desonno, Catarina Santos, frisando que a marca não procura “um determinado perfil”.

“O objetivo é sermos conhecidos e, claro, aumentar as vendas“, assume Catarina Santos em declarações ao DN.

A estratégia de aumentar a visibilidade da marca já está a surtir efeito, com a oferta de emprego a ser divulgada em vários meios de informação. Segundo o jornal, já foram submetidas 300 candidaturas em menos de um dia.

Quanto à experiência do candidato seleccionado, terá que dormir em vários modelos de colchões, experimentando cada um durante pelo menos seis dias porque é “o tempo que o corpo demora a adaptar-se a um novo colchão”, explica Catarina Santos.

Após o mês de sono nas instalações da Desonno, o candidato terá que classificar cada um dos colchões, deixando a sua opinião. E se for contando a sua experiência nas redes sociais, a marca agradece!

ZAP

PUBLICIDADE
OUVIR A RÁDIO REGIONAL AQUI
CLIQUE PARA COMENTAR

DEIXE O SEU COMANTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado.

PUBLICIDADE MUSICBOX

OUVIR RÁDIO

OUVIR MÚSICA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SOCIEDADEPublicado há 5 horas

FURACÃO LESLIE: IPMA CONFIRMA VENTOS DE 180 A 190 KM/H

A passagem da tempestade tropical Leslie nas zonas mais afetadas de Portugal terá causado ventos de 180 a 190 quilómetros/hora,...

REGIÕESPublicado há 6 horas

LISBOA: GREVE NO METRO SEM SERVIÇOS MÍNIMOS

O tribunal arbitral decidiu não decretar serviços mínimos para a circulação de composições durante a greve parcial que os trabalhadores...

REGIÕESPublicado há 8 horas

FURACÃO LESLIE: COLHEITA DE MILHO NO BAIXO MONDEGO EM RISCO

Cerca de 50% da colheita dos nove mil hectares de campos de milho no Baixo Mondego está em risco devido...

ECONOMIA & FINANÇASPublicado há 12 horas

VEM AI MAIS UM “IMPOSTO” CHAMADO: TAXA DE PROTEÇÃO CIVIL

O Governo pretende criar uma contribuição municipal de proteção civil a suportar pelos proprietários de prédios urbanos e rústicos, de...

REGIÕESPublicado há 1 dia

MACEDO DE CAVALEIROS REFORÇA APOIO AOS BOMBEIROS

A Câmara de Macedo de Cavaleiros vai reforçar em 35 mil o apoio financeiro aos bombeiros voluntários do concelho, prevendo...

REGIÕESPublicado há 1 dia

FURACÃO LESLIE: PREJUÍZOS DE 1,5 MILHÕES EM CONDEIXA-A-NOVA

A tempestade Leslie, que atingiu, sobretudo, a região Centro, provocou estragos superiores a 1,5 milhões de euros nos equipamentos municipais...

JUSTIÇAPublicado há 1 dia

JOÃO RENDEIRO CONDENADO A 5 ANOS DE PRISÃO

O antigo presidente Banco Privado Português (BPP) João Rendeiro foi hoje condenado a cinco anos de prisão com pena suspensa...

REGIÕESPublicado há 2 dias

FURACÃO LESLIE: ALUNOS NA FIGUEIRA DA FOZ SEM AULAS

O vereador da Educação da Figueira da Foz, Nuno Gonçalves, disse hoje à agência Lusa que na segunda-feira não haverá...

SOCIEDADEPublicado há 2 dias

FURACÃO LESLIE “DESLIGA” 50 MIL CLIENTES MEO

A Altice Portugal disse hoje que cerca de 50 mil clientes da rede fixa estão com serviços afetados, na sequência...

REGIÕESPublicado há 2 dias

FURACÃO LESLIE DERRUBA ESTAÇÃO EMISSORA DE RÁDIO

Também a comunicação social foi vítima do Furacão Leslie. Na Região Centro a tempestade derrubou a estação emissora da Rádio...

PUBLICIDADE LINHA CANCRO

AS MAIS LIDAS